Passar para o Conteúdo Principal
Facebook Instagram Twitter Youtube Linkedin RSS
Logotipo CM Arcos de Valdevez

Comemorações do Dia do Concelho em Arcos de Valdevez com inaugurações e condecorações municipais

P7114815 1 1024 2500
15 Julho 2009

No passado dia 11 de Julho celebrou-se em Arcos de Valdevez o Dia do Concelho. Um dia de muito orgulho para todos os arcuenses, marcado por duas inaugurações e várias condecorações municipais.

As comemorações nesta vila minhota começaram bem cedo, logo pelas 9h30, com as Cerimónias Protocolares na Praça Municipal. Aqui teve lugar o hastear das bandeiras pelo presidente da Câmara municipal, Francisco Araújo, pelo presidente da Assembleia Municipal, Rui Alves, e pelo Vereador, Fernando Cabodeira - acto que contou com a participação das fanfarras dos Bombeiros Voluntários e do Corpo Nacional de Escutas, bem como com o acompanhamento da Banda da Sociedade Musical Arcuense.

De seguida deu-se lugar à simbólica encenação sobre as Invasões Francesas do Séc. XVIII, que contou com a intervenção do Senhor Coronel de Infantaria José Geraldo, director do Jornal do Exército, e a fanfarra do regimento de Artilharia Antiaérea nº1 e teve como principal objectivo enquadrar o momento particular em que decorreram as invasões francesas de 1808, 1809 e 1810, permitindo, deste modo homenagear e relembrar este momento de grande importância para a formação do futuro da nação europeia. Ainda no âmbito das Invasões Francesas, foi também feita a evocação do episódio específico decorrido em Arcos de Valdevez a 27 de Março de 1809 que coincidiu com a passagem dum contingente militar do exército francês. Um momento dramatizado pelo actor residente da Casa das Artes, Nuno Pinto.

Depois, pelas 10h30, decorreu no Auditório da Casa das Artes arcuense a Sessão Solene, na qual usaram da palavra o presidente da Assembleia Municipal, Rui Alves, e o presidente da Câmara Municipal, Francisco Araújo. Ambos destacaram o quanto já se fez por Arcos de Valdevez e o enorme desenvolvimento do qual esta terra tem vindo a ser alvo ao longo dos anos, deixando uma palavra a todos aqueles que têm contribuído para a melhoria das condições de vida dos arcuenses. No entanto, ficou também a mensagem de que o sucesso do presente não pode ser sinónimo de abrandamento, existindo sempre a vontade e o empenho em se fazer cada vez mais e melhor.

Francisco Araújo deu especial atenção ao facto de que "comemorar o Dia do Concelho é fazer um apelo à alma arcuense", afirmando que tem noção de "que todos somos capazes de fazer muito". O autarca realçou, também, a importância que todas as colectividades e personalidades distinguidas nesta cerimónia, nomeadamente, com as medalhas de Bons Serviços, Altruísmo, Mérito Social, Mérito Municipal Autárquico, Mérito Municipal Desportivo, Mérito Municipal Cultural e Medalha de Honra, bem como as que perpetuarão na toponímia local, como Dr. Manuel da Costa Brandão e Dr. José Osvaldo Laranjeira Rodrigues Gomes, dando os seus nomes ao Novo Centro Escolar a Norte do Concelho e à ligação da Praça D.Manuel I à Rotunda do IC28, respectivamente, têm para o município. "Figuras de grande interesse para o concelho" que, no seu entender, se destacaram pelo seu "empenho e dedicação na evolução e promoção do mesmo, mas também por terem tido sempre uma palavra a dizer em prol da sua terra, do concelho e de todos os arcuenses".

Após a Sessão Solene, a comitiva, constituída pelo presidente da Câmara Municipal e seus Vereadores, presidentes de Junta, convidados e populares, dirigiram-se até à Avenida que liga a Praça D. Manuel I à Rotunda do IC 28 para proceder à sua inauguração e atribuir-lhe o nome de Dr. José Osvaldo Laranjeira Rodrigues Gomes. Segundo Francisco Araújo, presidente da Câmara Municipal, o nome de José Osvaldo Gomes foi escolhido, principalmente por este "ser um cidadão arcuense, natural da freguesia de Álvora, e um ilustre jurista, especializado em Direito Administrativo, com abundante produção de obras, monografias e estudos". Entre outras características destaca-se também por ter "colaborado em importantes projectos públicos e na elaboração de diversa legislação relativa a ordenamento do território, planos urbanísticos, loteamentos urbanos, expropriações por utilidade pública e contencioso administrativo. É também possuidor de um nível académico elevado; uma pessoa de reconhecidos méritos; que se identifica como arcuense e que tem colaborado na defesa dos interesses do Município de forma desinteressada".

A cerimónia de inauguração desta importante artéria da Vila, além das intervenções do presidente da Câmara Municipal e Assembleia Municipal, bem como do próprio Osvaldo Gomes que, sentidamente, agradeceu esta homenagem afirmando que Arcos de Valdevez nada lhe deve; nada tem de lhe reconhecer e nada tem de lhe homenagear; e que apenas aceitou esta distinção porque assume "o compromisso firme de fazer mais e melhor por Arcos de Valdevez", contou também com alocução de José Duarte Pereira, que fez jus às palavras de Francisco Araújo reafirmando todas as inquestionáveis qualidades deste jurista.

Celebrado este momento, a comitiva dirigiu-se até à freguesia de Sabadim para a inauguração do novo Centro Escolar a Norte do Concelho, ao qual foi dado o nome de Dr.Manuel da Costa Brandão. Também, ele, cidadão arcuense, foi durante anos um distinto professor na Escola Secundária de Arcos de Valdevez, onde leccionou após o seu regresso de África nos anos setenta do século passado.

Pessoa culta, prestigiou a escola, onde deixou marcas indeléveis, quer como professor, quer como presidente do respectivo Conselho Directivo, distinguindo-se como pedagogo e professor distinto. Foi ainda o primeiro presidente do núcleo de Arcos de Valdevez da cruz Vermelha Portuguesa.

Esta cerimónia contou com alocução de Manuel Marques Pinto e ainda com as intervenções de Francisco Araújo, o qual destacou as mais-valias desta nova infraestrutura em matéria de ensino - " sem dúvida uma grande acção escolar! Estão aqui reunidas todas as condições para uma aprendizagem que utilize os novos meios tecnológicos e os espaços condignos para o bom leccionamento escolar" - e justificou publicamente a razão da escolha do nome de Manuel da Costa Brandão para o seu "baptismo"; de Rui Brandão, filho de Manuel da Costa Brandão; assim como de Margarida Moreira, Directora Regional da Educação do Norte e de Carlos Costa, presidente do Agrupamento de Escolas de Valdevez.

Integradas nas Comemorações do Dia do Concelho também estiveram o concerto de Cristina Branco, que apresentou no Auditório da Casa das Artes arcuense o seu novo trabalho "Kronos", e a organização do Encontro Sénior, no dia 12 de Julho, que levou até à Quinta da Malafaia, em Esposende, cerca de 2900 pessoas.

ceromonias_protocolares
P7114658
P7114691
P7114698
P7114731
P7114743
P7114752
P7114755
P7114816
P7114799
Município de Arcos de Valdevez
Top