Passar para o Conteúdo Principal
Facebook Instagram Twitter Youtube Linkedin RSS
Logotipo CM Arcos de Valdevez

Comédia “O Bom Patife” de José M.Barros esteve na Casa das Artes de Arcos de Valdevez

Dsc02556 1 1024 2500
11 Dezembro 2008

A Nova Comédia Bracarense, uma Companhia de Teatro de Amadores, criada em 1990 e composta por um grupo infantil, juvenil e grupo em geral (sénior), esteve em palco, na Casa das Artes de Arcos de Valdevez, no passado dia 5 de Dezembro, com a peça "O Bom patife". Uma estreia do autor, José Barros, no campo da dramaturgia.
A peça, estruturada num só acto, retratou a farsa protagonizada por um Capitão que, fazendo-se passar por morto, engana a sua própria família durante o seu velório.

A acção desenrola-se nos finais do séc. XIX, tempos de grandesBom Patife mudanças e convulsões políticas e sociais, na casa do ilustre Capitão. O caso, por mais incrível que possa parecer aos olhos do mundo, atingiu proporções alarmantes quando duas mulheres desconhecidas chegaram para prestar as devidas honras fúnebres ao homem que sempre amaram em vida. Novas revelações assombraram e abalaram esta família do Douro, que sempre tivera em boa conta o seu chefe de família, homem muito honrado e prezado nas redondezas, devido ao prestígio que gozava junto da comunidade.

Esta é uma farsa que retratou alguns momentos da época, expondo alguns dos seus vícios e virtudes mais peculiares do quadro representativo da sociedade dos finais do século XIX (o O Bom Patifenamoro à moda antiga, secreto e proibido, as desavenças familiares, a infidelidade conjugal e as suas implicações no seio da família e a religiosidade do mundo provinciano).

Durante cerca de uma hora, um turbilhão de emoções e pensamentos desfilaram sob o olhar atento e analítico do espectador, que de vez em quando se foi manifestando com aplausos e grandes risadas.

"O Bom Patife" teve a sua estreia no Centro Recreativo e Cultural de Palmeira (Junho de 2007) e, além de ter passado pelo Auditório do palco da Casa das Artes de Arcos de Valdevez, já passou também pelo Auditório Municipal do Galécia em Maximinos - Braga (Outubro de 2007), pelo Festival de Teatro Amador - Teatro Club da Póvoa de Lanhoso (Fevereiro de 2008), pelo Festival de S. Mamede de Infesta (Novembro de 2008) e pelo XXI Encontro de Teatro em Leça da Palmeira (Novembro de 2008).

DSC02506
DSC02619
Município de Arcos de Valdevez
Top