Passar para o Conteúdo Principal
Facebook Instagram Twitter Youtube Linkedin RSS
Logotipo CM Arcos de Valdevez

Convocar a Diversidade para evocar a Igualdade - 1ª Semana da Igualdade já arrancou

Convocar a Diversidade para evocar a Igualdade - 1ª Semana da Igualdade já arrancou
image title
image title
image title
image title
image title
22 Outubro 2019

 

Álvaro Laborinho Lúcio foi o primeiro convidado desta semana

Na passada sexta-feira, 18 de outubro, arrancou a programação da 1ª semana da Igualdade, tendo Álvaro Laborinho Lúcio, juiz-conselheiro jubilado do Supremo Tribunal de Justiça e antigo Ministro da Justiça, vindo a Arcos de Valdevez debruçar-se sob a temática “De que falamos quando falamos de Igualdade?”.

Na abertura desta sessão o Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, destacou a importância desta iniciativa para a sociedade, considerando que a participação das pessoas neste tipo de debates e encontros “é um elemento preponderante no combate à desigualdade”. Um tema que se debate há já 40 anos e está explanado numa exposição patente na Casa das Artes até dia 2 de Novembro, através da disponibilização de 40 cartazes de iniciativas realizadas ao longo destas 4 décadas.

O autarca resumiu o trabalho que o Município tem vindo a desenvolver neste âmbito, por forma a colmatar o desfasamento entre o reconhecimento do direito à igualdade e do respeito pela diferença e a sua concretização real e efetiva, como sendo a aprovação pela Câmara Municipal de um Compromisso para a Igualdade e Não Discriminação.

O Município nomeou uma Conselheira para a Igualdade, a Dra. Manuela de Melo, a qual está a colaborar em diversas iniciativas. No dia 25 de outubro será assinado um protocolo com a CIG – Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género.

O Município está a elaborar o Plano Municipal para a Igualdade e como tal, tem realizado várias sessões da Igualdade dirigidas a públicos estratégicos das áreas do Emprego e Formação; Educação Cultura e Desporto; Ação Social, Saúde e Bem-estar; Violência, Segurança e Justiça, de forma a obter vários contributos para efeito de realização do diagnóstico concelhio.

Perante uma plateia atenta e interessada, Laborinho Lúcio abordou o tema, referindo os principais eixos em que se baseia a Igualdade, nomeadamente a complexidade, a diversidade, a incerteza e o risco, enfatizando ser essencial agir em cooperação e corresponsabilização, bem como ser muito importante termos na nossa sociedade cidadãos informados/críticos e cidadãos ativos.

O programa desta iniciativa dedicada à Igualdade é composto por conferências/debates com oradores conhecidos, passando pelas diversas linguagens musicais e teatrais, integrando ações de formação e de coresponsabilização política, o programa da 1ª Semana VEZ de IGUALDADE pretende chamar a atenção de pessoas de diferentes idades e interesses para os riscos da exclusão baseada na diferença.

Combater o desconhecimento, a desinformação e o medo do “outro” é essencial para construir uma sociedade mais livre e justa. 

A programação da 1ª semana das Igualdade culmina com a conferência/debate “Migrações: inevitáveis e positivas”, proferida pelo Professor Doutor e Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, no dia 2 de Novembro, pelas 21h30, na Casa das Artes.

Participe!

 

Top