Passar para o Conteúdo Principal
Facebook Instagram Twitter Youtube Linkedin RSS
Logotipo CM Arcos de Valdevez

Ministro-adjunto e da Economia em Sistelo

Ministro-adjunto e da Economia em Sistelo
image title
image title
image title
image title
image title
26 Julho 2019

 

 

Governante veio a Arcos de Valdevez para “mostrar” ao país os belos locais e as opções de turismo de natureza  existentes

O Ministro-adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, esteve esta terça-feira em Sistelo no âmbito de um roteiro por paisagens naturais que serviu para dar visibilidade a destinos de Turismo de Natureza e promover as férias dos portugueses em Portugal.

Aqui visitou a obra da Casa do Castelo, as obras da Igreja Paroquial, a ecovia do Vez e aproveitou ainda para dar um mergulho no Rio Vez.

A recuperação da Casa do Castelo, onde se pretende instalar um centro interpretativo da biodiversidade do rio Vez e de promoção dos produtos locais, insere-se na candidatura “Promoção e Sensibilização Ambiental da Paisagem Cultural Evolutiva Viva de Sistelo” feita no âmbito do programa Valorizar, a qual prevê a atribuição de um incentivo financeiro não reembolsável no montante de 225 291,33€ e um investimento total de 325 mil euros para valorizar, para além deste edifício, a paisagem, o património edificado, desde os espigueiros, as eiras, trilhos e passadiços. A Câmara Municipal também apoia a obra em 80 mil euros.

Em suma, pretende-se criar na Casa do Castelo de Sistelo, condições “in loco”, através de conteúdos versando temas tão diversificados como a geologia, recursos naturais, geossitios, património cultural, biodiversidade, áreas protegidas e Rede Natura, de forma a proporcionar à comunidade infantojuvenil e o público em geral, conhecimento dos aspetos naturais do seu território, os aprenda a interpretar e, desta forma, adquirir uma maior consciencialização para a proteção da natureza

Nesta visita o governante frisou o aumento de turistas e de receitas que cresceram mais de 45 por cento entre 2015 e 2018, justificando que este crescimento só aconteceu porque foi possível atrair turistas para outras zonas do país, que não só as zonas litorais e de praia.

O governante enalteceu também o trabalho realizado ao nível da promoção turística do território, dando crédito ao trabalho realizado pela autarquia na recuperação do património e no apoio à criação de infra estruturas para melhor receber os visitantes.

Para o presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, esta visita do ministro-adjunto e da Economia foi um reconhecimento e um incentivo ao trabalho feito pelo Município e Junta de Freguesia de Sistelo, empresários e população local no processo de promoção do território, e na atração de visitantes.

 

 

Top