Passar para o Conteúdo Principal
Facebook Instagram Twitter Youtube Linkedin RSS
Logotipo CM Arcos de Valdevez

Câmara Municipal testou o Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Arcos de Valdevez

Câmara Municipal testou o Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Arcos de Valdevez
image title
image title
image title
image title
19 Julho 2017

A Câmara Municipal realizou um exercício municipal no âmbito do Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Arcos de Valdevez, cujo cenário escolhido foi um grande incêndio florestal e no qual houve necessidade de evacuar um lugar.

Participaram neste exercício a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez (Órgão Executivo) + serviços municipais (Serviço Municipal de Proteção Civil, Ação Social, bem como o Serviço da Qualidade do Municipio de Arcos de Valdevez), a Junta de Freguesia de Soajo, os Bombeiros Voluntários de Arcos de Valdevez, a Guarda Nacional Republicana (Posto Territorial), o Grupo de Intervenção Proteção e Socorro (GIPS), o Comando Distrital de Operações e Socorro de Viana do Castelo, o INEM, o Centro de Saúde de Arcos de Valdevez, o ICNF.

Nesta ação foi desenvolvida de forma exaustiva uma descrição do cenário e foram geradas mensagens e comunicações que circularam entre os diversos intervenientes, com vista a promover uma dinâmica e envolver os jogadores na emergência simulada.

O exercício "PMEPC Arcos de Valdevez 2017" é um exercício ao nível da coordenação de elementos de comando, tratando-se de um exercício planeado e conduzido com a finalidade de testar e ativar a CMPC, emitir a Declaração de Estado de Alerta no município e testar e ativar o PMEPC de Arcos de Valdevez e em que a emergência escolhida para cenário é simulada da forma mais realista possível.

Pretendeu-se igualmente testar a resposta dos Agentes de Proteção Civil e Entidades que cooperam nesta matéria.

Os exercícios são uma das mais importantes ferramentas de treino na área da proteção civil permitindo testar, em ambiente simulado, procedimentos de nível tático, operacional e estratégico, essenciais ao cabal cumprimento da missão de todas as forças e serviços com competência na matéria, identificando falhas e constrangimentos que, a verificarem-se em situação real, teriam quase sempre efeitos bastante negativos. Os exercícios de proteção civil permitem assim criar oportunidades de melhoria no planeamento da resposta a situações de acidente grave ou catástrofe

Top