Passar para o Conteúdo Principal
Facebook Instagram Twitter Youtube Linkedin RSS
Logotipo CM Arcos de Valdevez

1 milhão de euros para criar porta de entrada do Barroco em Arcos de Valdevez

1 milhão de euros para criar porta de entrada do Barroco em Arcos de Valdevez
image title
image title
image title
image title
image title
image title
image title
image title
image title
image title
image title
image title
28 Junho 2017

 

A Câmara Municipal procedeu recentemente à consignação da obra do Centro Interpretativo do Barroco, a levar a efeito na Igreja do Espírito Santo, em Arcos de Valdevez. Um ato cerimonial que contou com a presença do Sr. Bispo de Viana, D. Anacleto Cordeiro Gonçalves de Oliveira e do Sr. Diretor Regional Da cultura do Norte, Dr. António Ponte.

Nesta cerimónia foi explicado a todos os presentes o objetivo da intervenção, bem como todas as suas características funcionais.

De referir, que o projeto trata-se de uma plataforma de dinâmica turística e de conhecimento do Barroco na região do Alto-Minho, servindo de porta de entrada para o Barroco nos 10 concelhos e permitirá lançar conhecimentos sobre este período da cultura na região, bem como, simultaneamente explorar as características únicas e importantíssimas do templo do Espirito Santo, imóvel de interesse público e um dos mais importantes na região Norte do país;

Este Centro Interpretativo do Barroco incorporará novas tecnologias de realidade aumentada e virtual para interpretar os monumentos da região, o período do Barroco e o próprio monumento; será alvo de reabilitação do seu riquíssimo e referencial espólio artístico, de valor nacional, sendo igualmente potenciado o seu uso cultural, pedagógico e turístico, desenvolvidas temáticas como a Sociedade e o Pensamento na época Barroca Cultura e Arte no Barroco e um momento relativo ao próprio monumento, intitulado Igreja do Espírito Santo: da origem à consagração para além da descoberta dos principais monumentos barrocos da região.

Tanto o Sr. Bispo de Viana, D. Anacleto Cordeiro Gonçalves de Oliveira como o Sr. Diretor Regional Da cultura do Norte, Dr. António Ponte, enalteceram a importância do projeto, o qual releva a parte cultural, nunca esquecendo a religiosa, realçando a interesse que o mesmo terá para a comunidade local e turística, como também ao nível da reabilitação e conservação do património para os vindouros.

A intervenção divide-se em duas grandes rubricas, já adjudicadas, nomeadamente a de ARQUITETURA E ESPECIALIDADES, ESTUDO HISTÓRICO E ARQUEOLÓGICO, CONTEÚDOS E EQUIPAMENTOS TECNOLOGÍCOS E INTERPRETATIVOS E FISCALIZAÇÃO E COORDENAÇÃO DE SEGURANÇA, no valor de 392.000,00 EUROS e as OBRAS DE REABILITAÇÃO, CONSERVAÇÃO E RESTAURO, orçadas em 588.000,00 EUROS.

Este projeto insere-se na operação “NORTE-04-2114-FEDER-000114 - Centro Interpretativo do Barroco - Igreja do Espírito Santo / Arcos de Valdevez”, cofinanciada pelo Fundo Europeu, Programa Operacional NORTE 2020, Eixo Prioritário 4 - Qualidade Ambiental e conta com um Investimento Elegível de 978.467,62 € e Comparticipação Comunitária de 831.697,48 €. Esta candidatura contou o apoio da Direção Regional de Cultura Norte, através da inserção do projeto no modelo de rotas do Barroco, e com a parceria da Fábrica da Igreja de Arcos Valdevez (salvador).

Top